sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

amor é...



"Há muitos poemas de amor, registo aqui um que gosto muito, comemora não só o dia de amanhã, mas todos os dias que passo a teu lado"






Sei de cor cada lugar teu
atado em mim, a cada lugar meu
tento entender o rumo que a vida nos faz tomar
tento esquecer a mágoa
guardar só o que é bom de guardar

Pensa em mim protege o que eu te dou
Eu penso em ti e dou-te o que de melhor eu sou
sem ter defesas que me façam falhar
nesse lugar mais dentro
onde só chega quem não tem medo de naufragar

Fica em mim que hoje o tempo dói
como se arrancassem tudo o que já foi
e até o que virá e até o que eu sonhei
diz-me que vais guardar e abraçar
tudo o que eu te dei

Mesmo que a vida mude os nossos sentidos
e o mundo nos leve pra longe de nós
e que um dia o tempo pareça perdido
e tudo se desfaça num gesto só

Eu Vou guardar cada lugar teu
ancorado em cada lugar meu
e hoje apenas isso me faz acreditar
que eu vou chegar contigo
onde só chega quem não tem medo de naufragar

(Mafalda Veiga)

5 comentários:

Sandra disse...

Viva o AMOR :)

Beijinhos grandes e BOM FDS, com muito namoro... eheheh... :p

cilinha disse...

ai é amor.... ai ai ai é o amor ...la la la.....

muito lindo o poema ...

beijinhos e bom fim de semana

maria-joão disse...

Desgosto tanto do dia dos namorados como do dia das bruxas!
Detesto importações estrangeiras com fins comerciais.
Viva o Carnaval!

karoxinha disse...

o meu preferido de sempre, apesar de quando andava na escola nao lhe achar piadinha nenhuma... mas hoje sei-o de cor... e gosto:

"Amor é fogo que arde sem se ver,
é ferida que dói, e não se sente;
é um contentamento descontente,
é dor que desatina sem doer.

É um não querer mais que bem querer;
é um andar solitário entre a gente;
é nunca contentar-se de contente;
é um cuidar que ganha em se perder.

É querer estar preso por vontade;
é servir a quem vence, o vencedor;
é ter com quem nos mata, lealdade.

Mas como causar pode seu favor
nos corações humanos amizade,
se tão contrário a si é o mesmo Amor?" - Luis de Camões

Bjinhos karinhosos
Karoxinha

Paula C. disse...

Que bela escolha! A Mafalda Veiga escreve de forma sublime.
É lindo!
Beijinhos e uma óptima semana,

Paula