quarta-feira, 19 de novembro de 2008

tens o teu pedacinho de céu


Penso sempre que é injusto e cruel quando a vida acaba, de forma inesperada, quando ainda há tanto por fazer, tanto por dizer...e fico sempre a pensar...porquê? ou para quê?
Sim, claro que fazes falta à tua filha, fazes falta ainda mais aos teus pais, os teus amigos vão sentir a tua falta...não fazias parte do meu grupo, mas sempre que nos encontrávamos, falávamos um bocadinho...e porque fizeste parte da minha adolescência vou recordar-te sempre assim: a jogar hóquei, no clube da nossa terra, a festejarmos eufóricos os teus golos e os da equipa e eu sempre a aplaudir e a gritar no meio da claque...bons tempos, verdade? Prometo que é assim que vou recordar-te...

Dizia-mos sempre Xau, agora sou eu que te digo

A-DEUS Mário

8 comentários:

AB disse...

Que descanse em Paz.
Beijinho.

olharbiju disse...

Bonita a tua homenagem.
E concerteza Deus tem um cantinho pra ele no CÉU.
Um grande xi-coração pra ti.
alice

Sandra disse...

Albana:

Passei para deixar um beijinho grande.

Borboleta disse...

Bom descanso!

karoxinha disse...

de certo que ele no seu pedacinho de ceu te agradece a homenagem bonita que fizeste...

bjinhos karinhosos
karoxinha

Pedro Barata disse...

Que descanse em Paz.

Beijinhos para ti

Sofia disse...

Olá
Obrigada pelas palavrinhas deixadas no meu blog.

bonita Homenagem.

beijinhos
Sofia

O Profeta disse...

Uma partida...no tempo...


Doce beijo